Sócrates - Mestre do Livre Pensamento

" Não há uma filosofia verdadeira enquanto não fizermos uma auto-análise."

Na antiga Atenas, muitas pessoas sofriam com o "método socrático". Exigências de definições precisas de pensamento evidente e de análise exata opunham-se a Sócrates. Relatos de sua época contam que ele perguntava mais do que respondia e deixava a mente dos homens mais confusa do que antes.

Qual o significado da virtude?

Aparentemente não havia razão para que o homem não fizesse o que quisesse desde que permanecesse dentro da lei. A justiça seria uma simples se os homens fossem simples era o que acreditava o grande mestre.

Será que porventura todo pecado é erro, visão parcial, tolice?

O homem inteligente pode ter os mesmos impulsos violentos e excludentes do ignorante, mas o certo é que irá controlá-los melhor e diminuir a freqüência com que resvala para a imitação do animal.

E numa sociedade administrada com inteligência, a vantagem, para todos os homens estaria na conduta social e leal, e bastaria uma visão clara para garantir a paz, a ordem e a boa vontade. 

Como pode uma sociedade ser salva, ou ser forte,
se não tiver à frente seus homens mais sábios?

Um estado que governa sem ajuda e ordena sem liderar, como podemos influenciar o indivíduo a obedecer às leis e incentivá-lo à procura de si mesmo em prol do bem?

O homem é mais violento em sociedade do que sozinho e isolado!

Ao invés de promover a violência e a adoração a vários deuses, Sócrates promoveu o debate de ideias e incentivou o culto a um único deus. Devido ao incentivo ao livre pensamento, revoltas violentas entre democratas e aristocratas promoveram um imenso derramento de sangue.

Maldito aquele que ensina os homens mais depressa do que eles podem aprender!

Sócrates é acusado de desvirtuar jovens e conduzi-los a heresias contra o estado. Como pena sobre tais 'crimes' Sócrates é obrigado a beber cicuta (veneno) para pagar por tais afrontas à sociedade ateniense. Por parte de seus amigos lhe é oferecida a oportunidade da fuga, mas ele se recusou. Para seus amigos ele lançou a célebre frase.

- Animai-vos e dizei que estão enterrando apenas o meu corpo.

Sócrates viu na tragédia que lhe rondava a oportunidade de morrer de forma proveitosa (399 a.C.).

Cobri o rosto e chorei por mim mesmo; pois não havia dúvida de que não estava chorando por ele, mas por pensar na calamidade de ter perdido tal companheiro.

- Quando o veneno chegar ao coração será o fim.
Aquelas foram suas últimas palavras.

O Grande Mestre do Pensamento Livre nos deixa sem dúvida lições atemporais, além de coragem, humildade, liderança, ombritude que são intangíveis e imensuráveis devido ao seu altíssimo valor para a humanidade que, em sua grande maioria, ainda não compreendeu o real significado de seus ensinamtos.

0 comentários:

Postar um comentário